• Lifestyle

ART BASEL MIAMI EDITION 2016: FROM MY FAVES TO ONE OF THE MOST EXPENSIVE.


The 2016 Miami Art Week already happened! Over five days, 269 galleries from 29 countries have exhibited at the Miami Beach Convention Center in the primary art market’s biggest week of activity, annually. Not to mention the numerous parallel exhibition that occurred in different parts of Miami and, also, the Miami Design Expo. There I could see close the collection Objets Nomades of Louis Vuitton, which I had already shown to you here.

Fashion, party, food, politics, protest, music, anyway, is the week where art manifests itself in all its different expressions. This was the 15th Edition of Art Basel, my third experience there! The first was in 2013, when I still lived in Brazil and, what I realized is that although once a friend told me: "the hungry does not appreciate art", making an analogy to the fact that the art is not as valued in underdeveloped countries, many galleries of Latin American countries, including Brazil, were there. That is, the art can be for everyone! At least to appreciate, to buy is another matter. See the price of Lee Krasner’s Another Storm (1963), showed by Paul Kasmin Gallery (NY) and considered one of the most expensive of the fair: US$6 billions! See below.

I liked a lot of canvas, I selected three to show you! They are:


Mr Brainwash, Einstein Mural (2016). This French artist, based in Los Angeles, is my favorite! I don’t know the price, sorry.

Katherine Bernhardt, the untitled work on canvas from 2016 by the US artist shows a grinning Pink Panther with a cigarette lingering in the corner of the frame. The work sold on the opening day of the fair, she declined to name the price, but I’ve heard that was something around US$65,000.

Wolfrand Mercado, I don't remember the name of the painting of the Colombian artist, but it was being sold for US$100,000. As a gaucha, I liked the accordionist.

For anyone who's interested and wants to come in the next edition, here is the site with all the information. However, many events need special invitation, as for example the exhibitions that I was: Chanel, Alexander McQueen, Julio Le Parc vernissage (now it is open to the public), the party at Perez Art Museum, where Cat Cashmere played, the party where Mr Brainwash hosted, among others. In the case of parties, if you're not invited, there's still the possibility to buy invitations, which are sold on average for US$3300.

There are also several exhibitions and events open to the public and free of charge, mainly in Wynwood, where all galleries open their doors! So if you like art, it's the perfect week!


ART BASEL MIAMI EDITION 2016: DOS MEUS FAVORITOS AO MAIS CARO.


Há alguns dias aconteceu a Semana de Arte de Miami - o Art Basel! Durante cinco dias, 269 galerias de 29 países expuseram suas obras, no Centro de Convenções de Miami Beach. Sem contar as inúmeras exposições paralelas, que ocorreram em diferentes pontos de Miami, como Wynwood, PAMM e Design District e, ainda, a Miami Design Expo. Nessa última pude ver de perto a coleção Objets Nomades da Louis Vuitton, que eu já tinha mostrado pra vocês aqui! E, apaixonei-me ainda mais pelas peças! Já preciso da cadeira dos Irmãos Campana!

Moda, festa, comida, política, protesto, música, enfim, é a semana onde a Arte se manifesta em todas as suas diferentes expressões! Essa foi a Décima Quinta edição do Art Basel, minha terceira, experiência lá! A primeira foi em 2013, quando eu ainda vivia no Brasil e, o que eu percebi, é que embora tenha uma frase de um amigo que diz: "quem tem fome não aprecia arte", fazendo analogia ao fato de a arte não ser tão valorizada nos países subdesenvolvidos, muitas galerias de países latino-americanos, inclusive o Brasil, estavam lá por lá! Ou seja, a arte pode ser para todos! Pelo menos para apreciar, já para comprar é outro assunto! Vide o valor de um dos quadros considerado o mais caro da feira: US$6 bilhões ( sim, de dólares), pela obra de Lee Krasner’s Another Storm (1963), sob a curadoria da Paul Kasmin Gallery (NY).


Eu gostei de várias, selecionei três para mostrar à vocês! São elas:


Mr Brainwash, Einstein Mural 2016. Esse artista francês é o meu favorito! Não consegui saber o preço dessa, sorry… Meu sonho de consumo nesse âmbito!


Katherine Bernhardt, a tela da Pantera- Cor - De - Rosa não tem título, mas é de 2016. O trabalho dessa super artista americana, foi vendido na abertura da feira, por algo em torno de US$ 65, 000 (dólares). Ficaria linda na sala de TV, rsss


Wolfrand Mercado, não me lembro o nome da pintura do artista colombiano, mas ele estava sendo vendido por US$100.000(dólares). Como uma boa gaúcha, queria pendurar esse gaiteiro na churrasqueira! Ficaria lindo!


Para quem se interessou e quer vir na próxima edição, aqui está o site com todas as informações. Porém, muitos eventos precisam de convite especial, como por exemplo as exposições que fui da Chanel, do Alexander McQueen, a vernissagem de Julio Le Parc ( agora ela está aberta ao público), a festa do Perez Art Museum, onde tocou Cashmere Cat, a festa onde o Mr Brainwash foi o anfitrião, entre outras. No caso das festas, se você não é convidado, ainda há a possibilidade de comprar convites, que são vendidos em média por US$3300.

Há, ainda, várias exposições e eventos abertos ao público e gratuitos, principalmente em Wynwood, onde todas as galerias abrem suas portas! Por isso, se você gosta de arte, é a semana perfeita!